O Rei do Inverno – Bernard Cornwell

thewinterking_br

O Rei do Inverno é o primeiro livro da trilogia de Bernard Cornwell sobre um obscuro período da história britânica, que ficou conhecido como Idade das Trevas, por volta do século V. A escassez de registros históricos da época é tão grave que nunca comprovou-se a existência de Artur, apesar de existirem indícios de que ele existiu.
Bernard Cornwell utiliza o fundo histórico conhecido da época: uma Grã-Bretanha na qual ainda estão presentes as cidades, as estradas, as habitações, um sistema de leis, e maneiras de ser romanas, mas ao mesmo tempo uma Grã-Bretanha sendo destruída por invasões e conflitos internos. Os Romanos deixaram um legado de leis, erudição e tecnologia, mas massacraram as tradições nativas, como o Druidismo. A existência de Merlim é improvável, mas o personagem é tão ligado à lenda de Artur que o autor sabiamente manteve-o no livro.
Abaixo um mapa da região onde pode-se ver a região de Dumnônia, e os reinos vizinhos.

Egbert_of_Wessex_map

A história é contada pelo guerreiro Derfel, que testemunhou os acontecimentos e na sua velhice, já um monge, resolve contar o que viveu.
Um romance escrito por alguém que é apaixonado pela história inglesa, O Rei do Inverno é sem dúvida alguma a melhor adaptação da lenda de Artur. O autor manteve-se fiel a elementos enraizados da lenda, como Lancelot, Galaad, Merlim e Morgana, ninguém ficará decepcionado ao ler sua versão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s